A força da agricultura familiar e sua importância para a produção de alimentos de maneira sustentável, investimentos em tecnologia, assistência técnica e a eleição do Conselho Municipal de Desenvolvimento Rural Sustentável (CMDRS) foram os principais pontos enfatizados durante a X Conferência da Agricultura no município de São Félix do Xingu, evento ocorrido no tatersal de leilões do Sindicato dos Produtores Rurais.

Durante todo o dia ocorreram diversas palestras com diversas temas foram proferidas por representantes da Secretaria Municipal de Agricultura, Pecuária, Abastecimento (SEMAGRI), The Nature Conservancy (TNC), Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado do Pará (EMATER) e da Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará, campus de São Félix do Xingu.

Como maneira de buscar o incentivo às diversas famílias do município de São Félix do Xingu, que tiram o sustento da agricultura familiar, o Prefeito João Cleber tem dado autonomia para a equipe da Secretaria Municipal de Agricultura para que as políticas públicas cheguem até o homem do campo. “ Nosso município tem o maior rebanho bovino perca pito do Brasil e uma produção grande de cacau, grãos e agora está chegando a soja com isso fará com o que o nosso município seja propulsor do desenvolvimento rural porém é preciso que se produza respeitando as questões ambientais sem falar que é necessário avançar cada vez mais na regularização fundiária e então é muito importante essa conferência para que se discuta os principais eixos temáticos do desenvolvimento do nosso município”, informou o prefeito João Cleber.

A sindicalista Dinorá Silva e Silva, Coordenadora de Finanças e Administração do Sindicato dos Trabalhadores da Agricultura Familiar (SINTRAF) e Coordenadora Regional da Federação dos Trabalhadores da Agricultura Familiar do Pará (FETRAF) presente na conferência municipal, enfatizou que os debates são importante de igual maneira para o fortalecimento de quem vivem no campo plantando e produzindo alimentos saudáveis.

“Agricultura familiar e as mãos que alimentam a nação e de todos os brasileiros então é muito importante essa conferência devido a nossa agricultura familiar tem que evoluir e através de uma conferência e o que vai até o agricultor para poder trazer a sustentabilidade,  os pequenos também tem de ter a licença ambiental para poder fazer o trabalho então a gente tem que discutir esse planejamento para os pequenos agricultores e de fato a fala do Prefeito João Cleber foi correta devido alguns fazendeiros utilizam o uso de veneno então o nosso cacau, o nosso açaí estar morrendo então é importante que o prefeito possa conscientizar os fazendeiros que talvez não dá aqui são e agente junto aos sindicatos estamos fazendo uma fala com agricultor familiar porque a gente precisa manter a nossa agricultura de maneira sustentável”, disse a líder sindical Dinorá.

Para Mário Gomes, Chefe do Escritório local da Emater de São Félix do Xingu, informou que tanto agricultura familiar quanto o agronegócio precisam estar alinhados para que garanta para a população alimentos e com o auxílio de tecnologias, fomento garantir a permanência dos agricultores e produtores rurais no campo dentro do contexto dos indicadores ambientais, econômicos e sociais.

#JoãoCleberTrabalhador
#BatistaAbreuTrabalhador
#OTrabalhoVoltou
#QuemAmaCuida
#OtrabalhoNaoPara
#CompromissoComoTrabalho

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *