Mais uma vez a agilidade da aeronave UTI aérea que presta serviços para Secretaria Estadual de Saúde Pública do Pará (SESPA), foi fundamental para salvar a vida de mais uma recém – nascida no município de São Félix do Xingu. Uma bebê prematura foi transferida na tarde de sexta – feira (18) para o Hospital Santa Casa de Misericórdia do Pará.

Devido à gravidade da paciente, a criança foi cadastrada no Sistema Estadual de Regulação (SER) pela equipe médica da Unidade Materno Infantil Nossa Senhora dos Mercês, solicitando a transferência para hospital de alta complexidade na cidade de Belém.

Aline Carvalho, diretora da Maternidade Infantil de São Félix do Xingu, informou que a criança nasceu na quinta – feira (17) no Hospital e Maternidade São Lucas, no Distrito Taboca e foi transferida de avião para a cidade de São Félix do Xingu.   

Dr. Moacir Sampaio, Diretor Clínico do Hospital Municipal Orzeu Jonas Guida de São Félix do Xingu explicou que a criança nasceu prematuro ou, seja, 31 semanas e pesando 1,190 kg, e foi recebido pela a equipe médica na Unidade Materno Infantil e de imediato foram realizados os primeiros cuidados na criança ficando em monitorização contínua na ala de pediatria infantil.

Graças ao bom relacionamento do prefeito João Cleber em articulação com o Governador Helder Barbalho possibilitou a remoção da criança para dar continuidade no tratamento de saúde da recém- nascida prematuramente. Em pouco menos de 90 dias já foram realizados quatro voos de salvamento de vidas via aeronave UTI aérea.     

Olá, amigos e amigas! Estamos aqui no aeroporto de São Félix do Xingu, hoje, 18 de março de 2022, junto com a equipe do SAMU, Dra. Jaqueline, Dr. Moacir, Torrinho, João Marcos, todo o pessoal do SAMU aqui, quero agradecer ao governador. A Dra. Jaqueline nos acionou ontem à noite, que precisava de um socorro, de uma UTI Aérea e hoje cedo liguei para o governador onde determinou que o Secretário Adjunto Cipriano mandasse uma UTI Aérea para salvar uma vida. Então, governador muito obrigado ai mais uma vez por tudo que tem feito por São Félix. Um grande Abraço!

O Transporte aeromédico contou com uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) de São Félix do Xingu, até ao aeroporto municipal. Como comumente é feito em casos que envolvem recém-nascidos, foi utilizada uma incubadora na aeronave que possui capacidade de configuração para Unidade de Terapia Intensiva (UTI) aérea e detêm modernos equipamentos. 

O transporte do município de São Félix do Xingu até a Capital Belém durou pouco mais de uma hora e 20 minutos. O translado da recém nascida teve acompanhamento de Ana Cleia (Avô) foi assistida por Breno Lins (Enfermeiro), Patrícia Daroldi (Médica), copiloto Thiago Correia e o comandante Cleyton Freire.  

 

#JoãoCleberTrabalhador
#BatistaAbreuTrabalhador
#OTrabalhoVoltou
#QuemAmaCuida
#OtrabalhoNaoPara
#CompromissoComoTrabalho

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.