Prefeito lamentou que as máquinas do governo municipal, patrimônio da cidade, tenham sido deixadas em péssimas condições pela gestão anterior, dificultando as obras em São Félix do Xingu.  O prefeito João Cleber mostra o pátio da Semob e as máquinas que a gestão tenta recuperar para obras em São Félix do Xingu.

O prefeito João Cleber mostra o pátio da Semob e as máquinas que a gestão tenta recuperar para obras em São Félix do Xingu.

Quando assumiu a prefeitura de São Félix do Xingu, João Cleber Torres (MDB), denunciou que a gestão anterior abandonou o maquinário municipal. A gravidade disso se reflete no cenário atual das fortes chuvas que atingem a região sul do Pará: estradas se tornando atoleiros, enchentes e buracos se multiplicando na zona urbana. Com os recursos limitados, o prefeito está recuperando os equipamentos da cidade e tendo de estabelecer prioridades. Neste momento, a zona rural é que mais precisa de ajuda.

Algumas máquinas são quase causa perdida. Outras estão sendo recuperadas e algumas já estão nas ruas (Foto: Ascom/ Prefeitura de São Félix do Xingu.

Em uma visita de vistoria dos serviços de manutenção das máquinas, o prefeito e o secretário municipal de Obras, Marcelo Ramos, viram mecânicos e assistentes dedicados à recuperação do maquinário. Pela demanda urgente de obras em São Félix do Xingu, estão trabalhando ainda mais. Em vídeo divulgado nas redes sociais, João Cleber lamentou que tantas máquinas estejam quase em condição de perda.

Mecânicos e assistentes estão trabalhando o máximo que podem para recuperar as máquinas que estavam abandonadas. (Foto: Ascom SFX).

 “Fico triste de como a falta de responsabilidade e capacidade dos antigos gestores fazem isso com nosso maquinário, nosso patrimônio. As críticas dos vereadores e outras pessoas não levam em conta como estamos aqui. Ninguém veio ver a situação dessa herança maldita. É claro que estou mais triste com os buracos que estamos tendo. Só que as máquinas que estamos conseguindo recuperar, estamos dirigindo à zona rural, para socorrer aquelas pessoas que precisam de ajuda urgente”, explicou o prefeito João Cleber.

Recentemente, em visita a Belém, o prefeito esteve com o governador Helder Barbalho (MDB) — que decretou situação de emergência nas regiões Araguaia e Carajás por 180 dias — e recebeu uma patrol motoniveladora, para ajudar na obras. Mas há muito o que fazer, daí a necessidade de tirar as máquinas que são da prefeitura do pátio.

Atualmente, as máquinas estão na região da Pedra Preta, Xadá, na Trans-Levino, na Ladeira da Banana e na Sudoeste. “Sabemos da necessidade que temos em trazer essas máquinas também para zona urbana. Estamos trabalhando para que, tão logo, possamos dar toda a assistência necessária ao nosso município como um todo”, concluiu o prefeito.

Por Portal Fato/ Regional. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *