A Unidade de Pronto – Atendimento (UPA) da cidade de São Félix do Xingu realizou seu primeiro parto, desde quando começou a funcionar em 2017, já passava do meio-dia quando o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), chegou com uma mulher sendo menor de idade das iniciais k. S. S. já em trabalho de parto ativo.

Em poucos minutos após a entrada da gestante na UPA, a bebê nasceu, e a equipe médica de plantão realizou todos os procedimentos normais de um hospital.

Cabe lembrar que a UPA é direcionada para atendimentos de urgência e emergência e o caso deste parto representa o comprometimento dos profissionais de saúde e os investimentos do Prefeito João Cleber no tocante de preparar as unidades de saúde para que sejam realizados os mais diversos procedimentos de saúde pública.

Por se tratar de uma cidadã menor de idade, a Secretaria de Saúde de São Félix do Xingu, direção da UPA e a Unidade Hospitalar Maternidade Infantil Nossa Senhora dos Mercês, informaram o Conselho Tutelar para as devidas providências e acompanhamento do caso.

O médico Moacir Sampaio, Diretor Clínico do Hospital Municipal Orzeu Jonas Guida, explica em entrevista a complexidade da gravidez da senhora K. S. S, que deu à luz a uma criança, tornando mãe na fase de adolescência. Sampaio reforçou os compromissos do prefeito João Cleber com os munícipes xinguenses em fazer todos os dias saúde com amor.

“A nossa equipe está preparada para qualquer tipo de urgência e emergência. E aconteceu que uma moça de 13 anos acionou o SAMU, o SAMU trouxe ela aqui para a unidade de urgência e emergência, ela não relatou que estava gravida, ela relatou que estava com dores abdominal, ao da entrada na unidade a equipe identificou que ela estava em trabalho de parto, na fase expulsiva e ai a própria equipe do SAMU junto com a nossa equipe da UPA, realizou o parto de uma menina, uma criança, uma crescem nascido que pesou em torno de 2,300kg e 45cm do sexo feminino como eu acabei de falar. Então, o investimento estar sendo bem feito tanto nos profissionais que estão capacitados como eu acabei de falar, tanto para um atendimento de emergência de um infarto, de um acidente vascular cerebral, de um trauma e também para a realização de um parto, que não é uma coisa normal na unidade de pronto atendimento” disse Dr. Moacir Sampaio.

 

 

 

#JoãoCleberTrabalhador
#BatistaAbreuTrabalhador
#OTrabalhoVoltou
#QuemAmaCuida
#OtrabalhoNaoPara
#CompromissoComoTrabalho

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.