Cinquenta (50) produtores rurais da região do Xadá receberam o Cadastro Ambiental Rural de suas propriedades rurais. Ação faz parte do Programa de Regularização Ambiental do Governo do Pará por meio da Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade (SEMAS), com a participação da Prefeitura de São Félix do Xingu, juntos às Secretarias Municipais de Agricultura, Meio Ambiente e Mineração com apoio da empresa de assistência técnica (Emater) e do órgão de proteção ambiental Ideflo- Bio, The Nature Conservancy ( TNC).

Servidores municipais da Prefeitura de São Félix do Xingu e técnicos da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Pará (EMATER) e do Instituto de Desenvolvimento Florestal e da Biodiversidade do Estado do Pará (IDEFLOR BIO), recepcionaram Rodolfo Bastos, Secretário Adjunto da Secretaria de Estado e de Meio Ambiente (SEMAS). A vinda da Semas na Área de Proteção Ambiental se dá em virtude da entrega dos Cadastro Ambiental Rural (CAR), na Ilha Aliança do Xingu, no Xadá.

Sergio Benedetti, Secretário de Meio Ambiente e Mineração de São Félix do Xingu, explica que dentre os pontos positivos para os produtores rurais além da segurança jurídica das propriedades rurais o documento é importante porque facilita o licenciamento do imóvel rural, viabiliza a concessão de crédito juntos as instituições bancárias e incentiva a produção, melhora a produtividade. “Em fim e a Semas do Estado do Pará em parceria com a Semas de São Félix do Xingu através do Prefeito João Cleber, trazendo recursos aqui para a região, para que a gente cresça cada vez mais nas questões ambientais”, explicou Benedetti.

José Lopes da Silva produtor rural da Vila Clareane esteve na reunião ocorrida dentro do salão de reuniões da Igreja Católica da Vila Xada, disse que a muitos anos esperava por esse momento, de poder ter em mãos a documentação de preservação ambiental. “A Gente fica alegre porque minha terrinha está em dias, não tem problema, e eu estou reflorestando mais ainda, lá eu tenho plantado cacau e esse plantio serve para recuperar área de terra, então parabenizo a prefeitura e o governo do Pará, por essa iniciativa”. Explanou o produtor rural Lopes.

Para Rodolpho Zahluth Bastos, Secretário Adjunto de Gestão e Regularidade Ambiental da Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade (SEMAS) do Pará explica que o estado por meio do Instituto de Terras do Pará (ITERPA) tem trabalhado para titular as terras públicas dentro do Estado do Pará e que essas ações integradas com a prefeitura e os órgãos reforçam os compromisso com as questões de preservação ambiental e que a vinda da Semas até a Área de Proteção Ambiental APA Triunfo do Xingu se dá em virtude também da entrega dos Cadastro Ambiental Rural (CAR) além de esclarecer algumas questões relacionadas ao meio ambiente.

 

#JoãoCleberTrabalhador
#BatistaAbreuTrabalhador
#OTrabalhoVoltou
#QuemAmaCuida
#OtrabalhoNaoPara
#CompromissoComoTrabalho

 

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.