As Secretarias municipais de Meio Ambiente e Mineração (SEMMAS) e a da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (SEMAGRI) do município de São Félix do Xingu, reuniu com pescadores e pescadoras profissionais e amadores e integrantes da Associação da Colônia de Pescadores Z-65, para discutir o período da piracema que iniciará no próximo dia 15 de novembro e se estenderá até o mês de março de 2023.

Em relação ao período da piracema que iniciará no próximo dia 15 e se estenderá até março de 2023, fica expressamente proibido atividades pesqueiras nas águas dos rios Fresco e Xingu.

Na pauta da reunião ainda discutiram além da Piracema, Seguro Defeso, Fiscalização e Preservação, entre outras demandas relacionadas ao respeito do ciclo ecológico. Segundo fontes consultadas, nos oito meses (08) permitido para a pesca, são comercializados cerca de 150 mil peixes de várias espécies no município de São Félix do Xingu.

Em relação ao período da piracema que iniciará no próximo dia 15 e se estenderá até março de 2023, fica expressamente proibido atividades pesqueiras nas águas dos rios Fresco e Xingu.

Ainda durante a reunião foram debatidos além do período da Piracema, Seguro Defeso, Fiscalização e Preservação, entre outros assuntos. Em relação ao período da piracema que iniciará no próximo dia 15 e se estenderá até março de 2023, fica expressamente proibido atividades pesqueiras nas águas dos rios Fresco e Xingu.

Em relação ao período da piracema que iniciará no próximo dia 15 e se estenderá até março de 2023, fica expressamente proibido atividades pesqueiras nas águas dos rios Fresco e Xingu.

Também ficou acordado entre a Prefeitura de São Félix do Xingu e os pescadores que nestes meses do período do Defeso da Piracema que é a época que os peixes reproduzem fica proibida a pesca com arpão, redes e tarrafas e que os pescadores poderão tão somente para subsistência consumir até 10 quilos de peixe, porém não poderá armazenar e tão pouco comercializar.

Em relação ao período da piracema que iniciará no próximo dia 15 e se estenderá até março de 2023, fica expressamente proibido atividades pesqueiras nas águas dos rios Fresco e Xingu.

“Isso mesmo queremos informar a população ribeirinha que a pesca de subsistência será permitida durante a Piracema, contudo, com a finalidade de consumo próprio ou escambo, sem fins lucrativos, e ainda para inibir a pesca predatória nos próximos meses, nossa equipe de fiscalização ambiental irá intensificar em todos os rios, lagos e igarapés da região, caso seja flagrado alguma irregularidade a legislação ambiental prevê multas que varia entre R$ 700 reais a R$ 100 mil reais e dependendo da gravidade detenção que pode chegar a 3 anos”, explicou Sergio Benedetti, Secretário de Meio Ambiente e Mineração.

Em relação ao período da piracema que iniciará no próximo dia 15 e se estenderá até março de 2023, fica expressamente proibido atividades pesqueiras nas águas dos rios Fresco e Xingu.

Marlos Peterle, Secretário Municipal de Agricultura, Pecuária e Abastecimento da Prefeitura de São Félix do Xingu, enfatizou que é preciso cuidar, pensando no futuro e é importante a reunião com os pescadores para que eles estejam conscientizados sobre o período da Piracema.  “Então o Prefeito João Cleber como sempre incentivando e apoiando a população do nosso município e em especial nesse momento a população ribeirinha e os pescadores, o governo vem trabalhando e ajudando no tocante do social, e na parte da economia auxiliando para que os mesmo possam ter acesso ao recursos do Seguro Defeso que serve também como incentivo que eles respeitam e preservam a piracema e hoje tem algo a mais para comemorar que dois pescadores da associação da colônia dos pescadores conseguem se aposentar, isso é muito gratificante para todos nós”, destaca Marlos Peterle.

#JoãoCleberTrabalhador
#BatistaAbreuTrabalhador
#OTrabalhoVoltou
#QuemAmaCuida
#OtrabalhoNaoPara
#CompromissoComoTrabalho

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *