Os servidores municipais lotados na Coordenadoria Municipal de Trânsito de São Félix do Xingu, participaram de uma capacitação voltada para a municipalização do trânsito. Estando municipalizado, o trânsito da cidade estará sob suporte dos três pilares para a redução do número de acidentes fatais; educação, fiscalização e engenharia.

Os agentes de trânsito de São Félix do Xingu também receberam treinamentos para a implantação do Sistema de registro Nacional de Trânsito (RENAIF), e isso será possível levantar informações relacionadas às infrações de trânsito cometidas em qualquer cidade do Brasil, independente do licenciamento do veículo ao qual será coordenada pelo o Departamento de Trânsito do Estado do Pará (Detran).

Na prática, a finalidade do Sistema Renainf é criar uma base nacional de infrações de trânsito e proporcionar condições operacionais para o registro das mesmas, viabilizando o processamento dos autos de infrações, das ocorrências e o intercâmbio de informações.

Sergio Cruz, Coordenador de Trânsito de São Félix do Xingu explica que a partir de agora o município está inserido no Renaif e caminha para a última etapa para o processo de municipalização de trânsito.

“Isso a gente está finalizando essa etapa para que São Felix do Xingu de fato possa ter o trânsito municipalizado e essa capacitação nós passa até acesso a base do estado via Detran e assim as infrações automaticamente são migradas para a base nacional, então essa capacitação é um dos últimos passos para concretizar definitivamente a municipalização do trânsito de São Félix do Xingu.

José Ribamar, analista do Detran, reforçou que essa capacitação vem em cumprimento do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), o município municipalizado e os agentes treinados, passam em transitar em trânsito seguro respeitando a legislação e o cidadão, junto ao município ganhar no sentido de não utilizar leitos de hospitais, médicos desnecessário com acidentes de trânsito e as multas serão revertidas na melhoria de São Félix do Xingu.

#JoãoCleberTrabalhador
#BatistaAbreuTrabalhador
#OTrabalhoVoltou
#QuemAmaCuida
#OtrabalhoNaoPara
#CompromissoComoTrabalho

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *